"Sairei do buraco?"


 THE STRESS MAN por V.Sangermán
FOTOGRAFIA DE V.SANGERMÁN

"Você me pergunta “sairei do buraco?”. Sairá, sim. Sairá brilhantemente.
As coisas agora vão começar a acontecer, é meio tipo ímã, uma coisinha vai magnetizando outra e outra e outra, você vai ver."

"Eu não quero pensar no que virá: quero pensar no que é agora. No que está sendo."

“Poucas vezes me senti tão bem. Não estou radiante de felicidade, mas estou sereno.”


>> Caio F.

>>On My Own<< (Nikka Costa)

Música linda dos anos 80, simplesmente sensível... nos toca realmente!

Nessa tradução algumas palavras tiveram que ser adaptadas ao português.

I CAN SEE CLEARLY NOW - Jimmy Cliff

Uma música das antigas... com legenda em português, pois a letra é linda, a melodia, o cenário... Enfim tudo em plena harmonia! Vale a pena relembrar...

Jacuzzi para bebês

Invenção de uma empresa italiana promete oferecer um banho mais relaxante para os bebês.
Criadores italianos da empresa Blubleu oferecem uma versão de jacuzzi, digamos, fofa. Ela é para bebês até 1 ano e tem como objetivo oferecer um banho mais relaxante para eles, a MagicBath (banho mágico). De acrílico, a versão tem um sistema embutido que libera bolhas com um clique no botão e conta ainda com luzes de LED cujas cores podem ser definidas de acordo com o humor da criança. 



Em entrevista ao jornal The Sun, o porta-voz da empresa conta: “O MagicBath fornece uma viagem fabulosa de experiências sensoriais, água e efeitos de cor para os bebês”, diz. Ele afirma, ainda, que o produto está de acordo com as normas de segurança de produtos para crianças. “É projetado ergonomicamente para apoiar o recém-nascido na posição correta”, completa. O mimo custa algo em torno de R$ 4 mil.

Fontes:
http://www.thesun.co.uk/sol/homepage/news/4283327/A-Jacuzzi-for-babies-br-You-must-be-having-a-bubble-bath.html
http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/1,,EMI303916-17729,00.html

CoRaGem


"Eu acredito em gente que vai fundo e vive o que tem que ser vivido, sem medo de se jogar. Quem faz isso sabe, doi e passa e a gente sempre aprende que entrega é algo bom de viver. 
Depois de cada momento vivido existe o aprendizado e esse ninguém tira de nós. Nós ficamos mais fortes e muito mais corajosos. Essa coragem nasce com a gente e não podemos permitir que ninguém nos tire."

Denise Portes

CURIOSIDADES DO NOSSO CORPO (algo que precisamos saber)


1. Se você estiver com a garganta doendo, aperte seu ouvido:
Pressionando os nervos do ouvido, ele vai gerar um reflexo imediato nos espasmos da garganta e alivia o desconforto.

2. Para ouvir melhor utilize apenas um lado da orelha:
Se você está em um clube e não ouvir bem o que as pessoas estão dizendo, vire a cabeça e use apenas a orelha direita, uma vez que ela distingue melhor as conversações, enquanto a esquerda identifica músicas de som.

3. Para resistir à tentação de ir ao banheiro pense em sexo:
Quando não resistir à vontade de urinar e não tiver um banheiro por perto, pense em sexo. Isso vai entreter o seu cérebro e reduzirá o estresse.

4. Provoque tosses para reduzir a dor:
Um grupo de cientistas alemães descobriram que quando você espirra, aumenta a pressão no peito e coluna vertebral, inibindo, assim, dores na coluna.

5. Se você estiver com o nariz entupido:
Pressione o céu da boca e o nariz. Toque o céu da boca firmemente com um dedo, segurando o nariz abaixo das sobrancelhas. Isso permitirá que as secreções possam se mover e você volta a respirar.

6. Quando você tiver com azia, durma sobre seu lado esquerdo:
Isto cria um ângulo entre o estômago e do esófago, de modo que o ácido não pode passar para a garganta.

7. Quando um dente dói esfregue um cubo de gelo em sua mão:
Você deve passar um pedaço de gelo na área, em um "v" que tem entre o polegar e o dedo indicador contra a palma da mão. Isto reduz em 50% a dor, pois este setor está ligado aos receptores da dor da face.

8. Quando você se queimar, pressione o ferimento com um dedo:
Após a limpeza da área afetada, pressione com a mão sobre a queimadura, assim ela retornará a temperatura inicial e evitará bolhas. (Para pequenas queimaduras, apenas)

9. Quando você estiver bêbado:
Repouse a mão sobre uma mesa ou superfície estável. Se você fizer isso, seu cérebro vai recuperar o sentido de equilíbrio e evitará que tudo gire ao seu redor.

10. Ao correr, respire quando o pé esquerdo pisar o chão.
Isto irá prevenir sentimento de comichão no peito, porque se você respirar quando você coloca o pé direito, fará pressão no fígado.

11. Se sangrar o nariz, empurre com o dedo:
Se você deitar com o sangue escorrendo poderá se sufocar, por isso é melhor pressionar o dedo sobre o lado do nariz quando você tiver sangramento.

12. Para controlar o batimento cardíaco quando você está nervoso:
Coloque o polegar na boca e assopre, isso irá ajudar seu coração parar de bater tão rápido a partir da respiração.

13. Para aliviar uma dor de cabeça quando você bebe água gelada:
Quando você beber algo congelado, resfria o paladar e o cérebro interpreta. Então você deve colocar a língua no céu da boca para retornar à temperatura normal.

14. Previna a falta de visão quando você está na frente do PC:
Quando você coloca seus olhos em um objeto próximo, como um computador, a vista fica cansada e não consegue enxergar direito. Por isso, feche os olhos, contraia o corpo e prenda a respiração por um momento. Então, relaxe. Remédio santo.

15. Desperte suas mãos e pés adormecidos movendo sua cabeça:
Quando você dorme, um braço ou uma mão, gire a cabeça de um lado para o outro e sentirás a dormência passar dentro de 1 minuto. Os membros superiores adormecem pela pressão sobre o pescoço. Igualmente para pernas e pés, leva alguns segundos.

16. Uma maneira fácil de prender a respiração debaixo d'água:
Antes de mergulhar, fazer respirações muitos rápidos e fortes para fazer o sangue ácido desaparecer, pois isso é que causa a falta de ar.

17. Memorize textos à noite:
Tudo o que você ler antes de dormir, é mais fácil de lembrar ...



Fonte: http://www.facebook.com/photo.php?fbid=367197173330859&set=a.322545541129356.90086.185065108210734&type=1&theater

Dia Mundial do Livro


Hoje é DIA MUNDIAL DO LIVRO!

"Que os livros possam cada vez mais nos fascinar, apaixonar e transformar com suas histórias feitas exclusivamente para gente como a gente: leitores incondicionais, vorazes e sempre famintos." - Claudio Schamis - um entre milhares de Viciados em Livros. 

A data, estabelecida em caráter definitivo pela Unesco em 1996, homenageia dois gigantes máximos da literatura ocidental. 

Em 23 de Abril de 1616, morriam dois dos maiores escritores de todos os tempos: o espanhol Miguel de Cervantes (1547 – 1616), o inventor do romance moderno com Dom Quixote, e o inglês William Shakespeare (1564 – 1616), o inventor do humano, como o chama Harold Bloom.



RABANADA

Café da manhã com rabanada vira festa. Por que será que a gente só lembra disso no Natal?
Autor: Panelinha  http://panelinha.ig.com.br/site/receita/receita.php?id=766
Tempo de preparo: Pá Pum 
Serve: 10 unidades



Ingredientes

3 pães franceses amanhecidos
2 xícaras (chá) de leite
1/2 lata de leite condensado
3 ovos
1/2 xícara (chá) de óleo para fritar
1/2 xícara (chá) de açúcar
2 colheres (sopa) de canela em pó

Modo de Preparo

1. Corte os pães em fatias médias. Reserve.

2. Numa tigela, coloque o leite e o leite condensado e misture com uma colher. Reserve.

3. Em outra tigela, bata os ovos com um garfo até ficar uma mistura homogênea.

4. Leve uma frigideira com óleo ao fogo para aquecer.

5. Na tigela com o leite, coloque algumas fatias de pão e deixe de molho por 1 minuto. Transfira para uma peneira e escorra o excesso do leite.

6. Passe as fatias pelos ovos batidos e coloque imediatamente na frigideira. Deixe cada lado dourar por 2 minutos. Retire as rabanadas com uma escumadeira e transfira para um prato forrado com papel-toalha. Se o óleo ficar muito sujo, passe-o por uma peneira forrada com papel-toalha.

7. Num prato fundo, misture o açúcar e a canela. Polvilhe as fatias com a mistura. Sirva a seguir.

Menina que nasceu sem as mãos vence concurso de caligrafia nos EUA

Anne Clark, de 7 anos, ganhou prêmio para estudantes com deficiência. Ela usa os braços para segurar o lápis e escrever.

Anne Clark usa os braços para escrever (Foto: AP)
Anne Clark, de 7 anos, usa os braços para prender o lápis e poder escrever (Foto: AP)
A menina Anne Clark, estudante da primeira série da escola Wilson Christian Academy, em West Mifflin, na Pensilvânia, ganhou um concurso de caligrafia para estudantes com deficência de escolas dos Estados Unidos. Anne, de 7 anos, nasceu sem as mãos e prende o lápis entre os braços para poder escrever.

A categoria faz parte do 21º Concurso Anual de Caligrafia dos Estados Unidos. O prêmio para alunos com deficiência foi criado no ano passado com o nome de um estudante (Maxim Nicholas) que também não tinha as mãos e usava o antebraço para escrever. Nicholas impressionou os juízes o suficiente para que eles criaram uma nova categoria para alunos com deficiência.

Anne foi premiada na categoria de letras de forma/imprensa. O vencedor de melhor caligrafia em letra cursiva foi Remiel Colwill, estudante da quinta série da escola St. Mary Magdalene, em Eastlake, Ohio. Remiel tem uma deficiência visual. Ele e Anne ganharam um troféu e um prêmio de US$ 1 mil para cada.

* Anjos Disfarçados *


Se autoconhecer

IMG_7189 por 唯以
FOTOGRAFIA DE 唯以

“A vida não é um questionário de Proust. Você não precisa ter que responder ao mundo quais são suas qualidades, sua cor preferida, seu prato favorito, que bicho seria. Que mania de se autoconhecer. Chega de se autoconhecer. Você é o que é, um imperfeito bem-intencionado e que muda de opinião sem a menor culpa.”

(Martha Medeiros)

Libras: O Som do Silêncio



Que história lindinha, fofo! E nos informa um pouco mais sobre a linguagem de sinais...

DIA DO BEIJO >>>eternizar"

13 de Abril - Dia do Beijo
Escolhi este clipe especial, romântico... eternizando Momentos...
Que não sejam somente Beijos trocados... e sim, um simbolo de fidelidade, boas lembranças... revividas e renovadas. by C@Ká
 

Se Lembra Quando




Lembra quando eu era jovem, você também
O tempo parou e o amor era tudo que conhecemos
Você foi a primeira, eu também
Nós fizemos amor e então você chorou
Lembra quando

Se lembra quando nós jurávamos os votos
E caminhamos o caminho
Demos nossos corações, fizemos o começo, foi difícil
Vivemos e aprendemos, a vida lançou curvas
Havia alegria, havia sofrimento
Se lembra quando

Se lembra quando o velho morreu e o novo nasceu
E vida foi mudada, desmontou, rearranjou
Nós viemos junto, caímos separadamente
E partimos os nossos corações
Se lembra quando

Se lembre quando o som de pequenos pés
era a música
Nós dançamos semana a semana
Trazido do volta o amor, nós encontramos confiança
Juramos nunca deixarmos isto
Se lembra quando

Se lembra quando trinta parecia tão velho
Agora olhando para trás, é só um degrau de pedra
Para onde nós estamos,
onde nós fomos
Nós faríamos tudo novamente
Se lembra quando
Se lembra quando nós dissemos quando nós virássemos cinza
Quando as crianças crescerem e se mudarem
Nós não estaremos tristes, nós estaremos alegres
Para toda a vida que tivemos
E nós nos lembraremos quando

Destino: Educacao - Melhores Momentos

"Gosto muito de assistir o programa Destino: Educação, sempre vejo os episódios pelo You Tube, mas ele passa no Canal Futura... Encontrei este vídeo com os Melhores Momentos da Série. Vale a pena ver!" by C@Ká



Segundo afirmação no Site do Canal da Cultura:
Além da exibição no Canal Futura, o destino:educação também estará disponível no site doFuturaTec, a videoteca gratuita do Canal Futura, para download dos usuários cadastrados no sistema. O FuturaTec é reservado a instituições educacionais que usam o conteúdo do canal como material pedagógico e, hoje, conta com mais de seis mil instituições inscritas, sendo a grande maioria escolas e universidades.

Além da TV
O livro da série, que você pode baixar aqui (em PDF)traz a
metodologia usada no projeto e detalhes sobre a elaboração e os resultados do PISA. Ele
está organizado do seguinte modo: a) critérios de escolha dos países que serão apresentados na série; b) breve descrição das características metodológicas e organizacionais do PISA e c) principais resultados do PISA (2000 a 2006).
Já o PDF educativo, com sugestões para aproveitar o conteúdo e enriquecer discussões dentro e fora de sala de aula você pode baixar aqui http://www.futura.org.br/alem-da-tv/guias-educativos/.
Veja as sinopses dos episódios:
Xangai: Com 20 milhões de habitantes, a província de Xangai, na China, até parece um país. Melhor colocada em todo mundo no PISA, tem liberdade para inovar e adaptar as rígidas regras do governo chinês e oferece uma educação de qualidade excepcional para os estudantes, inclusive os migrantes. Neste episódio, o público vai conhecer estudantes nota 10, pais exigentes e professores qualificados. Em Xangai, a dedicação ao ensino é  levada tão a sério que o Estado teve que criar leis para limitar as horas de estudo em casa. Tanto esforço tem bases históricas e culturais, principalmente na ênfase da educação como mecanismo de ascensão social ao longo da história.
Finlândia: Famosa pela qualidade de ensino, a Finlândia é apontada como modelo para todas as nações. Por lá, professor para entrar em sala tem, no mínimo, mestrado, e a autonomia é palavra de ordem. No Ensino Médio,  por exemplo, os estudantes têm direito a escolher o que querem aprender. A carga horária não é exageradamente grande e a biblioteca é um dos passatempos preferidos. Em média, um estudante vai 12 vezes à biblioteca ao longo de um ano. Com ajuda de especialistas, esse episódio vai discutir também: como o governo conseguiu a difícil tarefa de igualar a qualidade do ensino? Por que a profissão de professor é a mais desejada pelos jovens, mesmo sem oferecer os salários mais altos da região? E aos melhores profissionais cabe a tarefa de trabalhar nas piores escolas. Por quê? Por fim, quais as lições que o mundo pode aprender com os finlandeses apesar de ser um país tão diferente?
Chile: Para entender como o país passou a liderar o ranking do PISA na América Latina, o “destino:educação” atravessa o portão da escola para mostrar as novas medidas e acordos feitos pelo Estado e verificar se os bons salários, a premiação por desempenho, a constante avaliação do ensino e a participação da família realmente influenciaram na nota final do PISA. Vai avaliar também como diminuir as diferenças entre o aprendizado dos alunos de distintas classes sociais e revelar como funciona o sistema, dividido entre escolas particulares, subvencionadas e públicas. Desde a primeira avaliação, o Chile serve de exemplo para o continente e sua nota cresce de forma consistente. Por lá, o ministro da Educação é uma das autoridades de maior prestígio e costuma ser o nome forte para disputar as eleições presidenciais.
Coreia do Sul: No início da década de 60, a Coreia do Sul estava no atual patamar de desenvolvimento do Afeganistão. Cinquenta anos depois, tornou-se exemplo de desenvolvimento econômico e social e, no último ranking do PISA, aparece com uma das melhores notas. Neste programa, o público  conhecerá a rotina de oito horas na escola, as tarefas de casa, a competição em sala de aula, a rigorosa disciplina e o uso da tecnologia como aliada no aprendizado. O objetivo é descobrir como a educação de qualidade se tornou marca da sociedade coreana e também refletir sobre questões como a aceitação de castigos físicos em sala de aula.
Canadá: Na última década, o governo canadense vem concedendo aos estrangeiros com qualificação quase todos os direitos conquistados pelos canadenses, incluindo ensino de qualidade para seus filhos. Essa política foi adotada como forma de compensar a carência por profissionais especializados em função do envelhecimento da população e da baixa taxa de natalidade. Em um país com duas línguas oficiais e sem Ministério da Educação, pais de alunos estrangeiros falam sobre o sistema; especialistas discutem o impacto de uma política de educação descentralizada e falam sobre o monitoramento e nivelamento do desempenho das escolas, a cooperação entre elas e os métodos usados para incentivar aquelas com baixo rendimento. O público poderá ver também que se tornar professor no Canadá pode ser tão difícil quanto enfrentar seu inverno rigoroso, apesar de ganharam salários acima da média nacional.
 
Brasil: O Brasil entrou com o pé direito no século XXI para deixar de ser só uma promessa. Mas qual a relação entre o período de bons resultados na economia e melhorias efetivas em termos de educação? O país pode ter crescido no PISA, mas, como partiu de resultados muito baixos, ainda está a quilômetros de distância do ideal. Quando o assunto é repetência, somos campeões. Apesar de 86% dos estudantes estarem matriculados na rede pública, os salários não atraem os melhores docentes. A formação desses profissionais, pouco pautada em didática, também vai mal. Resultado: na lista das profissões mais desejadas, ser professor vira falta de opção. Embora a educação seja um direito de todos, as horas em classe ainda são poucas. O turno integral só faz parte do cotidiano de alguns estudantes. A diferença na qualidade de ensino entre regiões e classes sociais é tão grande quanto o Brasil. Mas por quê?
Afinal, o que nos separa das melhores notas do PISA? Qual o papel do governo e das famílias? Quais os caminhos para se chegar à qualidade e equidade em salas de aula? O que tem sido feito? Em busca de respostas, o espectador vai acompanhar o dia a dia dos alunos, além do envolvimento de pais e professores. Especialistas e representantes de ONG’s também vão ser ouvidos pelo programa.
Episódio final: A troca de experiências será o mote do programa de encerramento, que vai fechar a abordagem detalhada, país a país, feita nos episódios anteriores.
QUANDO VER (CANAL FUTURA)
destino:educação
Toda segunda, às 21h
Reprise: terças-feiras, às 13h30, e domingos, às 18h

Morte e Vida Severina (Animação na íntegra)



"Morte e Vida Severina" é um livro do escritor brasileiro João Cabral de Melo Neto. O livro apresenta um poema dramático, que relata a dura trajetória de um migrante nordestino em busca de uma vida mais fácil e favorável no litoral.
O Desenho Animado é uma versão da obra prima adaptada pelo cartunista Miguel Falcão em 3D preto e branco.
Este vídeo foi gravado da TV Escola, cuja proposta é que se grave e difunda os vídeos educativos.


Enviado por  
http://youtu.be/vLkDTfvwBAI

DÉCOR DO DIA: PAREDE VIVA EM SALA MODERNA

Sendo esta a sala de estar de um arquiteto americano que se proclama seguidor do mestre Le Corbusier, não é de se estranhar a decoração inspirada essencialmente nas linhas do modernismo, onde a envergadura intelectual de seu ocupante está mais do que evidente na imensa parede-estante, abarrotada de livros. Como um papel de parede vivo e tridimensional, o conjunto empresta vida (e história) a um ambiente de tons sóbrios que se vale bastante do preto, do branco e da neutralidade do piso de madeira. Olhando para a foto, é quase possível visualizarRonnie Self, morador e autor do projeto (que fica em Houston), tomando seu café da manhã banhado pela intensa luz que entra através dos janelões rasgados, ou esparramado no sofá de couro a desfrutar um dos títulos de suas prateleiras.

"Amei! Sou louca por Livros, ahahaha terei uma parede assim um dia! Fora que a sala é Show!" by C@Ká
http://casavogue.globo.com/interiores/decor-do-dia-parede-viva-em-sala-moderna/

Palácio dos Bandeirantes recebe “90 anos depois – A Semana de Arte Moderna”

"A Ventania" de Anita Malfatti é um dos destaques da mostra
Exposição reúne 80 obras da semana de 1922

Poesia através da declamação, arte plástica exibida em telas, esculturas e maquetes de arquitetura, desenhos arrojados e modernos. Apresentando novas ideias e conceitos, A Semana de Arte Moderna de 1922 marcou época ao transformar o panorama da arte no Brasil.
Em comemoração aos 90 anos, o Palácio dos Bandeirantes recebe nesta terça, 3, a exposição “90 anos depois – A Semana de Arte Moderna”e fica aberta ao público até o dia 29 de julho, sempre de terça-feira a domingo, das 10h às 17h, com entrada Catraca Livre.
A mostra  reúne 80 obras do Acervo Artístico-Cultural dos Palácios. Dentre os destaques, está o quadro “A Ventania” (1915), de Anita Malfatti e a pintura “Operários” (1933), de Tarsila do Amaral.


Palácio dos Bandeirantes
Palácio dos Bandeirantes 
Av. Morumbi, 4.500 -  Portão 2 - Morumbi - 
São Paulo - SP
CEP 05650-905
Fone: (0xx11) 2193-8282
Vistas orientadas: De terça a domingo, das 10h às 17h (de hora em hora)
Agendamento para grupos a partir de 10 pessoas com agendamento prévio.
Entrada franca

Dezenas de palestras online e gratuitas



Palestras gratuitas e online sobre diversas áreas profissionais são disponibilizadas pela PhorteTV. Os temas variam entre fisioterapia, estética, educação física, nutrição, administração, entre outros.
Os participantes podem enviar suas perguntas e interagir ao vivo com o palestrante ou conferir a apresentação no horário de sua preferência.
Uma das palestras em destaque é “Flexibilidade e sua importância para saúde e qualidade de vida”, ministrada pelo professor Alexandre Evangelista, especialista em Metodologia do Treinamento Desportivo Universidad de Matanzas Camilo Cienfuegos, de Cuba.
Para acessar todo o conteúdo disponível, basta se inscrever no site.

Se Encante por: Santa Catarina - RS

IDENTIDADE

A partir do momento que você descobre realmente a pessoa que você é, o que falam sobre você já não tem tanta importância assim.


Caio Fernando Abreu
 

Ilha das Flores



Gênero: DocumentárioExperimental 
Diretor: Jorge Furtado 
Elenco: Ciça Reckziegel 
Duração: 13 min     Ano: 1989     Bitola: 35mm 
País: Brasil     Local de Produção: RS 
Cor: Colorido 
Sinopse: Um ácido e divertido retrato da mecânica da sociedade de consumo. Acompanhando a trajetória de um simples tomate, desde a plantação até ser jogado fora, o curta escancara o processo de geração de riqueza e as desigualdades que surgem no meio do caminho. 


Aplicabilidades Pedagógicas:
Disciplinas/Temas transversais: BiologiaFilosofia,GeografiaHistóriaLíngua PortuguesaMeio ambiente,SaúdeSociologia 
Faixa Etária: Todas as idades 
Nível de Ensino: Ensino MédioEnsino Fundamental I,Ensino Fundamental IISuperiorEducação de Jovens e Adultos